APPDA-Lisboa beneficiária do Cartão Solidário

A APPDA – Lisboa é a nova associação beneficiária do Cartão Solidário 

No mês em que o Cartão Solidário comemora 2 anos desde o início da 3ª edição, a Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvimento e Autismo (APPDA) é a mais nova instituição a juntar-se ao projeto.
 
A APPDA – Lisboa juntou-se às cinco instituições de solidariedade, aumentando assim a possibilidade do Cartão Solidário ajudar ainda mais, quem mais precisa. Para tal, conta com o apoio de várias marcas socialmente responsáveis e com dezenas de milhares de pessoas que se preocupam e querem fazer deste projeto uma grande corrente solidária. 

O Cartão Solidário vai apoiar o projeto «(Con)viver com autismo, viver com qualidade» que desenvolve atividades de apoio e inclusão junto de crianças, jovens e idosos com autismo. Segundo Miguel Mendes, mentor do Cartão Solidário, «a escolha deste projeto da APPDA – Lisboa deveu-se à importância da abertura à comunidade e da inclusão na sociedade de pessoas que, com o devido acompanhamento, podem ser ativas e felizes como a restante população».

A 3ª edição do Cartão Solidário (2012 – 2014) focou-se em projetos de apoio a crianças e idosos e os fundos angariados reverteram a favor de 5 instituições nesta área: Crescer Ser, Terra dos Sonhos, Sorriso Solidário, APAV e Coração Amarelo, sendo a APPDA a mais nova beneficiária e de âmbito local. As instituições do Cartão Solidário trabalham diariamente para que centenas de crianças e idosos tenham uma vida mais feliz, com todos os cuidados que merecem e um maior acesso à saúde, alimentação, habitação, educação, cultura e entretenimento. 

Desde 2004, o Cartão Solidário conta já com dezenas de milhares de associados, ajudou as instituições beneficiárias em mais de 400.000,00€ e já gerou mais de 2.000.000,00€ em poupança para os portugueses, ao longo de 3 edições. 

 

 

 

 

 

 

 

 

Destaques

O primeiro Centro de apoio socio-educativo da APPDA, em Lisboa, inaugura

APPDA-Lisboa, Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvime

Páginas